quinta-feira, abril 17, 2008

Um dia marcado a vermelho (escuro) para não esquecer!

Ponto prévio: não vi o jogo, apenas acompanhei a marcha do marcador (via sms, cortesia da leoa mais gira do mundo - estou quase convertido ao teu SCP porque a ti já me rendi por completo) e uns vislumbres dos lances chave no rescaldo.
Pontos soltos:
Um resultado de 5-3 é sinónimo de jogo grande;
Quem está a ganhar 2-0 e fica a perder 3-2 sofre por inépcia e culpa própria;
Quem sofre 5 golos em 24 minutos não está, de certeza, bem;
Um derby com apenas 2 lances polémicos é um bom derby (ainda que ambos tenham sido decididos contra o SLB);
O Rui Costa merecia melhor final de carreira (e já agora um título) que este;
O SLB dificilmente ganhará mais algum jogo até ao final do campeonato;
O próximo campeonato do SLB está já posto em causa dado o final deste que vai acarretar limpeza étnica, desmoralização de jogadores e equipa técnica que vão querer folha limpa para esquecer o passado (erro crasso, deviam lembrar-se para não repetirem), ausência da Champions com acrescidas dificuldades na escolha de treinador e jogadores e decréscimo substancial de receitas;
Na minha opinião e sem saber que impacto isso teria no resultado final (se a ganhar por 2-0 perdem por 5-3, se chegassem a maior vantagem...), fico com a impressão que os dois lances de que falei anteriormente foram mal avaliados pelo árbitro.
Tempo ainda para falar um pouco sobre o meu mau feitio nestas coisas:
Se estivesse naquele campo não ficava ponta de energia para queimar nem km por percorrer. E se isso não bastasse, alguma perna de verde e branco vestida iria pagar o pato... detesto perder.
Na final, mais do que um vencedor, espero dois derrotados. Se isso não for possível, lesões e cartões em barda e tumultos nas bancadas num jogo de 0-0 cheio de casos e erros. Lamento se isto parece mau perder. É que é mesmo. Fair play, moderação e temperança? Chiça penico... Isso é apanágio do xadrez ou do bridge (e mesmo assim lembro-me de umas mesas viradas na sequência de uma abertura falhada ou de uns leilões mal conduzidos). Isto é futebol, raios!!

7 comentários:

Toni disse...

És um vendido!

Já agora pinta o carro de verde!

Toni disse...

Mas foi um grande jogo, isso foi!

Catarse disse...

eheheheheheheheh!

efeito melancia: verde por fora mas burmelho por dentro! ;))))

Fenridal disse...

See Please Here

IM disse...

Bem, eu confesso que o melhor de tudo para mim (e eu não percebo nada de futebol, atenção!) foi a frase do dia que, para mim, foi proferida pelo Rui Costa:"A camisola do Benfica é pesada". Ai, se é!!! Só pode ser pesada e muito!! Muitos e muitos quilos, a ver pela forma como se enterraram naquele relvado!!!!! Eu cá se fosse o Chalado, perdão, o Chalana, perguntava ao Bentinho de que raio de material são feitas as camisolas dos Leões!!!!!! OLOLOLOLOLL..
E viva o FCP! FCP! FCP!!!
eheheh

Catarse disse...

Pois, parece-me que, assim de repente, o Chalanix teve um acesso de miúfa e tirou o melhor jogador em campo, Di Maria, numa leitura algo estrábica e cagarolas do jogo, o que claramente contaminou os outros 10 jogadores... isso terá aligeirado o peso das camisolas dos leões (provavelmente os melhores 27 minutos de jogo da época) e aumentado o das águias (bons 60 minutos mas não chegaram porque o jogo só termina aos 90 e tal).

Sobre os duvidosos méritos do FCP cada um dos seus cúmplices, perdão, adeptos saberá que meios justificam que fins e se, neste caso, teremos de estender as quatro linhas do futebol para a construção civil, prostituição, corrupção, turismo sexual, violência, banditismo, tráfico de estupefacientes e outros nobres campos de actividade da sociedade portuguesa. Nesse campeonato em particular, admito, a máfia directiva, claques e associados do FCP lideram destacadas. Depois resta aos adeptos gritarem-lhe, de palas nos olhos, os méritos desportivos de tais acções.

Arroz de Casca disse...

Ora apoiado! Irrita-me o sr. Bimbo da Costa e seus capangas, sempre impunes aconteça o que acontecer.
Aliás, cá no burgo, não são só eles. Virou moda.
E a massa crítica poderia ser maior entre os adeptos realmente...Enfim, "futebóis"!