sexta-feira, janeiro 04, 2008

Retrato - JP Simões

Canta JP Simões "A minha geração já se calou, já se perdeu, já amuou, já se cansou, desapareceu, ou então casou, ou então mudou, ou então morreu, já se acabou..."
Humm... Até gosto da música e do CD mas olhe que não.

5 comentários:

Arroz de Casca disse...

Por acaso até diria que anda um pouco caladita...anda. Recibos verdes e tal...

Catarse disse...

hummm... nem só com recibos verdes se pode calar uma geração... ou matar... a não ser que não tenha fibra e queira tudo sem rei nem roque, como o regabofe que se instalou aqui no burgo com a geração pós 25 de Abril, em que tudo era possível para enriquecer sem escrúpulos, pesada herança para os que agora olham para os ditos recibos verdes e sonham ávidos com os ordenados, avenças e reformas milionárias de quem as legislou a seu bel-prazer...

Arroz de Casca disse...

pois é...mas há que reconhecer que falta alguma fibra e, sobretudo, unidade aos que receberam a "pesada herança"...

Arroz de Casca disse...

Agora por JP...lembrei-me do concerto que perdeste em Maio. Lindo. Uma noite fantástica. Está imortalizada (lol!) no Arroz de Casca.

Catarse disse...

Assisti ao lançamento do novo album no santiago alquimista e gostei bastante, apesar do começo nervoso em que teimava em falar baixinho quase para ele próprio.