quarta-feira, dezembro 12, 2007

Fofos de Belas aka Fartos de Creme


Pese embora terem um nome bastante abichanado os bolos são de facto bons. E fofos. E bons. E passo à porta deles todos os dias. Estou tramado. Chiça penico, Dona Liberdade, porquê??? Lá se vai o "six pack"...

12 comentários:

IM disse...

Hummmm...cá para mim ainda vais ficar "fofo" com tanto bolinho tentador...ou até "farto" de não lhes resistires!!!!! Coragem, amigo, coragem...ehehehhe...podemos sempre dizer "não, não quero fofos! Estou farto! Venham as belas!"...lollllollololollllllll(belas e fofas? belas e fartas? Belas que se fartam? Fartas de ser fofas?Irra...a nossa língua portuguesa é um prato de equívocos!!!..ehehhehe)

Catarse disse...

São os fofos de belas, os travesseiros de sintra, os pastéis de belém, as queijadas e pastéis de tentugal... está muito complicado... e vem aí o natal com o bolo rei, rabanadas, filhozes, chocolates, etc... coragem é pouco. Preciso mesmo é de um açaime!

Senão não há belas & fofas até fartar para ninguém! ;)

Arroz de Casca disse...

Para além do "lindo" nome que têm, isso é do mais enjoativo que conheço! Um horror!!! Como podes gostar disso??? E comparar com quase todos os outros citados? E olha que eu sou gulosa (tb preciso de açaime!). Mas coisas enjoativas, blargh...
Nota de Natal: filhoz não tem plural, embora toda a gente diga filhozes ou filhoses.

Catarse disse...

Tadinhas das filhoz(es)... a vida no plural faz mais sentido, como o plural majestático que tanto gosto:

(Nós, as filhoz, gostamos e não gostamos de Natal. É uma época simultaneamente feliz porque nos reproduzimos como loucas mas triste para a nossa espécie porque depois somos caçadas quase até à extinção.)

Tenho um paladar muito abrangente. Aliás, nos últimos tempos aboli até algumas embirrações alimentares antigas como polvo, laranja, pêssego, côco, alguns bichos de concha, caracóis, açorda, etc... things change.

Acho que ainda me ficam atravessadas as favas, anchovas e anis. Blargh. E não sou grande fã de arroz doce ou aletria.

IM disse...

Pois o natal por aqui é muito diversificado dado eu não comer doces com ovos ou leite de vaca...faço sempre umas coisinhas especiais para moi-même que alguém acaba por cobiçar e, o que acaba por sobrar, são mesmo as filhós que acabam por sobrar...eehehehehe...

Açaime aí pessoal..eheheh...lá se vão as belas, Catarse...ehehehe...mas ficas com sorte porque depois do Natal, as belas estão é mais para fofas!!! eheheheh

Arroz de Casca disse...

Loool! Só tu para me fazeres rir, quando a Lei de Murphy me cai em cima a todos os minutos do dia! ;)
Gostei do discurso psico-sociológico das filhoz!Tadinhas...
Pois eu tb deixei algumas embirrações de lado. Por acaso anchovas e aniz são duas das que mantenho! Mas a pior continua a ser o intragável melão...

Arroz de Casca disse...

IM, tens de me passar algumas dessas receitas maravilha. Tens, tens! ;)

IM disse...

Quando quiseres eu apresento-te o verdadeira Natal vegetariano...
Sintonia 100% no melão...arrghhhhhh...insuportável e o pepino...impossível...e os diospiros...intragáveis...3 impossibilidades!!!!

Arroz de Casca disse...

Ena! Igualzinho...E olha que eu sou "de boa boca". Há pouca coisa de que, de facto, não goste. Incrível a semelhança! Não sabia que havia alguém com estas características. Aposto que tb não ias gostar de "fofos de belas". Eheheheheh!;)

IM disse...

Pois certamente!!! Abaixo os fofos!!!! ehehehehheeh
;-))

Catarse disse...

está bonito isto... então ninguém gosta dos bolos da dona liberdade?!! tá mal!! ;))

Arroz de Casca disse...

BLARGH!